domingo, 26 de outubro de 2014

Sinpol-PE: mais uma vitória dos trabalhadores!

Ensaio
26 de outubro de 2014
Por Ygor Barros, historiador e militante do PSOL.

Durante a última semana ocorreu à eleição do Sinpol-PE, segundo maior sindicato de Pernambuco. Existiam basicamente três chapas concorrendo ao pleito, mas a eleição ficou polarizada entre a chapa 1, representada pelo ex-eterno presidente Marinho e a CUT, que estavam há mais de 25 anos dirigindo o sindicato a mãos de ferro, e a chapa 3, representada por jovens, muitos que entraram há pouco na polícia civil. Numa eleição marcada pelo poder econômico e pelo forte aparato da chapa situacionista, a chapa 3 obteve êxito e conseguiu a vitória. A disputa ficou acirrada. A chapa 1 tinha muitos votos entre os aposentados e a chapa da oposição tinha sua base no pessoal da ativa.
Esta conjuntura das eleições do Sinpol-PE também mostra que as velhas direções estão se desgastando e que novos instrumentos de luta estão se abrindo. Os trabalhadores e a juventude estão se desfazendo das velhas burocracias e estão construindo novos instrumentos de luta, desvinculando-se das antigas estruturas, que já não mais impulsionam as lutas sociais. Pelo contrário, atua no sentido de engessar os movimentos e blindar o governo.
Como disse Daniel Bensaid: "Vivemos essa grande transição, esse grande intervalo entre dois extremos, entre o “não mais” e o “ainda não”, em que o antigo não acabou de morrer enquanto o novo pena para nascer e corre o risco de perecer antes mesmo de ter vivido".
Junho mostrou o esgotamento do lulismo. O PT já não controla o movimento de massas no Brasil. As velhas burocracias aos poucos estão se desfalecendo e a classe trabalhadora está no processo de reorganização. A vitoriosa greve dos rodoviários, o Simpere dirigido por companheiros de luta e agora a vitória no Sinpol-PE mostram que a classe está mais viva que nunca. Vamos juntos! Apenas começamos!

Um comentário:

  1. A calhar o comentário do Daniel Bensaid. (Paulo Magon).

    ResponderExcluir

Adicione seu comentário.